Últimas Postagens

Na morte, a vida

By 12:00


Desenganado pela medicina por conta de um câncer de próstata, Ranulfo Bernardino dos Santos, de 73 anos, morador da cidade Coronel Macedo, no Paraná, conta que sua esperança estava em Jesus.

"Eu fedia por causa do câncer, em cima de uma cama, um problema pelo qual passei por mais de vinte anos. Tentei inúmeros tratamentos, fiz várias sessões para combater o câncer e nada resolvia, até que os médicos do hospital me dispensaram para morrer em casa, com minha família. Minha situação era grave, que nenhuma cirurgia poderia ser feita, ou eu morreria nela, por causa da idade e do tempo com a doença. Nem minha própria esposa aguentava ficar perto de mim, por causa do cheiro de podridão."

No leito, onde a grande maioria aceitaria e esperaria a morte, Ranulfo conheceu a vida. "Encontrei Jesus Cristo e o evangelho em casa, através do programa da Igreja Mundial do Poder de Deus e comecei a clamar e a buscar ao Senhor pela minha vida. Colocava o copo com água perto da televisão, orava e jejuava, acompanhava as programações e deixava minha vida na mão de Deus. Certo dia, depois de beber da água consagrada, a dor passou e comecei a pular e a comemorar em casa, que Deus me curou naquele instante. Não fui operado, nem sofri até a morte, Jesus me deu vida, tanto espiritual como física, restaurando a minha saúde quando ninguém mais acreditava ser possível. Esse é o Poder de Deus".

VEJA TAMBÉM

0 comentários

Críticas construtivas serão sempre aceitas, mas comentários com palavrões/chingamentos serão automaticamente excluídos!