Últimas Postagens

Testemunho de Jode Miranda, ex-travesti

By 13:00

Tive um encontro com JESUS CRISTO e ELE transformou minha vida. Restaurou por completo minha identidade sexual pelo poder da PALAVRA DE DEUS.

Não estou aqui para falar de preconceito, discriminação e muito menos de homofobia, mas para falar do que Deus fez em minha vida e pode fazer na vida do homem e da mulher que se rende aos seus pés.


Nasci num lar espírita na cidade de Cuiabá-MT. Somos em 4 filhos, 3 irmãs e eu o único homem da minha família. Cresci conhecendo um pai alcóolatra e não entendia porque ele me odiava tanto sendo eu ainda uma criança. Aos 6 anos fui violentado sexualmente por um vizinho (advogado), que morava em frente a minha casa, com muito medo não contei aos meus pais. Cresci traumatizado e vendo o que o vício podia causar na vida de uma pessoa, pois meu pai quando bebia ficava violento e me espancava muito.


Minha mãe tentando resolver os problemas da família me levava em todos os lugares que diziam ser a“solução”, com isso fizeram comigo 3 pactos em centros de umbandas e cemitério com pais e mães de santos “homossexuais”, eu ainda uma criança.


Comecei a repugnar minha imagem de homem, tentando de todas as formas me transformar em “mulher”, comecei então a fazer uso de anticoncepcional.  Aos 14 anos fui para o Rio de Janeiro e São Paulo, onde conheci o mundo  da prostituição, das drogas, do roubo  e da violência.

O meu desejo era  ganhar muito dinheiro e mostrar ao meu pai que eu iria ser alguém na vida sem ele.  Coloquei silicone industrializado em meus quadris e fui para Paris, na França, pois diziam que ali eu iria ser famoso e ganhar muito dinheiro. Fiquei em Paris 1 ano e meio. Passei por Portugal, Espanha (em Barcelona fiz uso de silicones nos peitos), Londres, Roma, Grécia… e Itália onde morei por muitos  anos.
Ganhei muito dinheiro, poder, beleza e fama no mundo do “homo” e  nas drogas. Mas não consegui ganhar o que eu mais desejava e buscava: “a paz em minha alma”. Não consegui com todo aquele dinheiro o amor verdadeiro que só Jesus podia me  dar, pois só Deus sabia a solidão que invadia minha alma quando me encontrava sozinho em meu quarto e recorria as drogas usando-as como uma forma de escape.  Nesta época já não estava mais na prostituição, me tornei um profissional na área da culinária e vivia um relacionamento (há 6 anos) que acreditava ser “estável” e “fiel”, mas de estável e fiel não tinha nada, e ainda continuava com aquele vazio interior.
Neste período para honra do Senhor Jesus, minha mãe se converteu, descobrindo que, em Jesus Cristo, havia sim a solução para seu filho que estava perdido.  Ela creu e orou incessantemente durante muitos anos e durante este tempo ela sempre me ligava e dizia:  "MEU FILHO, JESUS TE AMA E VAI TRANSFORMAR A SUA VIDA". Entretanto, a chamava de louca e odiava a idéia de minha mãe ter se tornado uma “crente”. Eu sempre dizia: "Eu nasci assim, vivo assim e vou morrer assim". Pensava como todos os homossexuais pensam.

Em uma de minhas viagens ao Brasil, fiquei muito triste com minha mãe que fez uma reunião com os irmãos da igreja e me apresentou como seu “filho” e não como sua “filha”. Uma das irmãs da Igreja que estava presente olhou para mim e disse à minha mãe: "Dona Odete é impossível!". Porém, minha mãe cheia de fé e esperança respondeu: "Pode ser impossível para o seu deus mas  não para o Deus que eu sirvo".
Vim ao Brasil ficar um mês e fiquei 15 dias, pois não agüentava a convivência com  minha mãe que só falava de JESUS. Voltei para a Itália onde tive uma grande decepção, motivo que me fez retornar ao Brasil e na intensa ira do momento rasguei meu passaporte e toda minha documentação italiana.

Hoje, porém, eu vejo que já era Deus trabalhando em minha vida, Deus ouvindo as orações de minha mãe e da igreja que orava muito por mim.
Eu sempre amei muito minha mãe. Ela nunca deixou de convidar-me  para participar de cultos na igreja. Um dia resolvi aceitar o convite, para agradá-la e foi neste culto que Deus falou tremendamente ao meu coração. Durante o louvor meu coração foi quebrantado pelo poder e amor de Jesus e naquela noite aceitei JESUS COMO ÚNICO E SUFICIENTE SALVADOR DE MINHA VIDA , prostrado, na frente do púlpito, eu disse à DEUS: "Se Tu existe, transforma a minha vida".
Conheci nessa época a Pra. Gisela Guth.  Ela me amou de uma forma incondicional e dedicou tempo de sua vida para ajudar-me. Deus a usou para minha completa libertação. Ela discipulou-me e ensinou-me o Caminho da Verdade, tive experiências lindas com Jesus! Ele transformou minha mente,
meu coração e meu corpo. Eu comecei a sentir vergonha e nojo daqueles cabelos enormes que outrora me davam prazer, daqueles silicones que eu fazia questão de mostrar aos outros. Deus, em seu infinito amor, limpou-me de toda sujeira que o diabo tinha colocado  em meu corpo e em meu coração, me fazendo (de)NOVO HOMEM.

Deus colocou em meu caminho a psicóloga Rosalba. Ela ajudou-me em meus conflitos interiores durante quase 3 anos atendendo-me em seu consultório. Sei que foi um grande desafio, porém seu extremo profissionalismo, paciência  e fé em Deus ajudaram-me nessa transformação.  Louvo a Deus por sua vida e dou muito valor ao trabalho psicoterapêutico pois sei o quanto ele me ajudou e pode ajudar muitas outras pessoas que vivem esse tipo de conflito e desejam, voluntariamente, ter sua heterosexualidade restaurada, não só o abandono da prática mas também os desejos homossexuais.

A primeira vez que fui convidado para dar o meu testemunho, no Sesc, em um encontro  das igrejas evangélicas de Cuiabá, me deparei com mais de 3 mil pessoas naquela noite. Deus separou para mim o que ele tinha de mais precioso: a mulher que hoje é minha esposa.  Antes de ser minha namorada, ela foi minha amiga, minha conselheira e a pessoa que acompanhou de perto a minha trajetória de libertação.
Apaixonei-me loucamente por ela e então conheci o  verdadeiro amor de um “homem para uma mulher”. Um amor que NUNCA tinha experimentado, um amor que desce do trono de DEUS, um amor que tudo crê, tudo espera e tudo suporta, um amor que jamais acaba.

Apesar de muitos preconceitos que passamos, o amor de Deus em nossos corações superou todas as barreiras.
Nos casamos em 1998 e por onde Deus tem nos enviado, temos testemunhado que JESUS pode transformar a vida de um homem/mulher homoafetivos, se assim estes voluntariamente quiserem abandonar o estado da homossexualidade.
Temos testificado que ninguém nasce homossexual – DEUS fez homem e fez mulher. Deus ama o homossexual, mas abomina a prática do homossexualismo, assim como ama o ladrão, o homicida, o avarento, o mentiroso, o prostituto, o  adúltero, mas abomina a prática do pecado (como diz em I Coríntios 6: 9 ao 11).
Para DEUS TUDO É POSSÍVEL!
Dia 08 de Setembro de 2010,   ganhamos o Pedro, o maior e melhor presente que  DEUS, em seu grande amor, poderia nos dar. Ele é nosso príncipe, nossa paixão, nosso grande amor, o presente que completou a obra de Deus em nossas vidas. Agradecemos ao Senhor todos os dias por tamanha dádiva dELE para conosco.

Através do poder de Deus, que mudou milagrosamente a minha vida por meio da Palavra de Deus, muitas outras vidas já foram salvas, curadas e transformadas por esse DEUS MARAVILHOSO.

Muitos homossexuais que não acreditam, por não terem experimentado este poder de Deus que pode restaurar a sexualidade do homo em hetero, dizem que até podemos viver sem a prática, mas os desejos homoafetivos sempre estarão conosco. Quero dizer que isto é um GRANDE ENGANO DE UMA MENTE MEDÍOCRE QUE PENSA DESTA FORMA. Eu sou a prova de que o que DEUS FAZ ELE FAZ COMPLETO e testifico a todos que hoje os meus sentimentos e desejos são TOTALMENTE HETEROS porque JESUS CRISTO RESTAUROU 100% MINHA HETEROSSEXUALIDADE.

Antes de CONHECER E EXPERIMENTAR ESTE PODER QUE SÓ JESUS CRISTO PODE NOS OFERECER, eu também tinha dúvidas. Mas hoje eu digo com toda certeza e confiança:
"Se você que tem essa dúvida entregar o seu coração para JESUS e buscar a DEUS, você também verá esse poder transformador AGIR EM SUA VIDA".

SAIBA MAIS SOBE A VIDA DELE, E SOBRE SUE MINISTÉRIO, ACESSE O SITE: http://ministeriojoidemiranda.com/site/

VEJA TAMBÉM

0 comentários

Críticas construtivas serão sempre aceitas, mas comentários com palavrões/chingamentos serão automaticamente excluídos!