Últimas Postagens

O deserto

By 13:30

Então veio Jesus da Galiléia ter com João, junto do Jordão, para ser batizado por ele. Mas João opunha-se-lhe, dizendo: Eu careço de ser batizado por ti, e vens tu a mim? Jesus, porém, respondendo, disse-lhe: Deixa por agora, porque assim nos convém cumprir toda a justiça. Então ele o permitiu. E, sendo Jesus batizado, saiu logo da água, e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito de Deus descendo como pomba e vindo sobre ele. E eis que uma voz dos céus dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo. Então foi conduzido Jesus pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo diabo. E, tendo jejuado quarenta dias e quarenta noites, depois teve fome; E, chegando-se a ele o tentador, disse: Se tu és o Filho de Deus, manda que estas pedras se tornem em pães. Ele, porém, respondendo, disse: Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus. Então o diabo o transportou à cidade santa, e colocou-o sobre o pináculo do templo, E disse-lhe: Se tu és o Filho de Deus, lança-te de aqui abaixo; porque está escrito: Que aos seus anjos dará ordens a teu respeito, E tomar-te-ão nas mãos, Para que nunca tropeces com o teu pé em alguma pedra. Disse-lhe Jesus: Também está escrito: Não tentarás o Senhor teu Deus. Novamente o transportou o diabo a um monte muito alto; e mostrou-lhe todos os reinos do mundo, e a glória deles. E disse-lhe: Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares. Então disse-lhe Jesus: Vai-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás. Então o diabo o deixou; e, eis que chegaram os anjos, e o serviam. Jesus foi até João e tinha a idade de quase trinta anos, para ser batizado. Jesus é a única referência e não foi batizado quando era criança, bebê. Deus tem operado milagres, se revelado e isso tem nos cedido autoridade para falar do Poder e da vontade de Deus. Jesus se batizar nessa idade sugere que uma criança não pode ser batizada, apenas um adulto pode, quando conhece o certo e o errado. Mas essa não é a mensagem. A mensagem é que, ao ser batizado, ou seja, ao tomar uma atitude, porque o batismo sugere o arrependimento, a remissão, o batismo sugere a aceitação. Quando alguém recebe o Senhor na sua vida, ele dá o primeiro passo que é o batismo. Naquele momento em que Ele é batizado, não aconteceu antes, veio de modo simbólico, porque Jesus é diferente de todo ser que pisou na face da terra, Ele é Santo. Mas ao ser batizado, os céus se abriram. Esse é o desejo de todo mundo, ver os céus abertos na sua vida. Quem não quer que os céus se abram? Existe a promessa, Deus abre a janela dos céus para as pessoas e Jesus viu os céus se abriram. E Ele quer que cada um de nós veja os céus se abrirem também. Isso significa Deus nos olhando. Quando o céu se abre, a pessoa espera sua vida se transformar, espera colher os frutos. Mas depois dos céus abertos por causa de Jesus, o Espírito Santo o leva ao deserto, por ordem do Pai. É possível que, depois de um encontro com o Senhor e depois dos céus serem abertos na vida das pessoas, ela seja levada ao deserto. As igrejas não gostam de falar nisso, atrai mais gente falar de mansão, de qualidade de vida, de bem estar, de alegria, mas você pode chorar também. Ninguém está livre dos desertos. Esse que foi levado ao deserto é muito maior que nós. Às vezes, o próprio pecado nos leva ao deserto. No caso do Senhor, que nunca pecou, o deserto se prova necessário na nossa vida, porque se dependesse do pecado, Jesus jamais teria ido ao deserto, o Espírito Santo o levou. No deserto, o diabo o tentou. Tentação de problemas. Em Thiago, Deus diz que não testa as pessoas, o diabo testa. Ninguém, sendo tentado, diga: De Deus sou tentado; porque Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta. (Tiago 1:13). O momento em que o diabo exerce a função dele é quando ele percebe que você não está bem. Ele vigia e espera você entrar no deserto e, quando você entra, ele te bombardeia, começa a te testar e não é fácil. Se a pessoa não viver pela fé, não prevalece. Se a igreja não tiver o poder de Deus e demonstrações de poder, ela não cresce. As igrejas são bombardeadas, a obra de Deus é bombardeada, principalmente os pastores, que são os anjos de Deus. As pessoas falam mal da igreja de modo a destruir a obra, porque mexe com Satanás. Satanás não tem poder sobre a obra de Deus. No caso do Senhor, ver os céus se abrirem sugere conforto, segurança. Ele acabava de ouvir a voz do Pai. Ouvir a voz de Deus traz segurança. Quantas vezes você, estando fraco, ouviu a voz de Deus e se sentiu forte. O próprio Daniel se sentiu mais forte ouvindo a voz de Deus: E disse: Não temas, homem muito amado, paz seja contigo; anima-te, sim, anima-te. E, falando ele comigo, fiquei fortalecido, e disse: Fala, meu senhor, porque me fortaleceste. (Daniel 10:19).


Viu onde está a força do homem? Em Deus falar com ele.

Nós não mudamos a opinião das pessoas, mas quando o povo percebe que Deus fala com você, o povo vai procurar você. Amarão o que está na sua vida. Não tem coisa melhor do que Deus falar com você. Eu e você já nos sentimos mal falando com alguém e a pessoa não dando atenção, todo mundo já passou por isso. Pior do que isso é Deus não falar com você. Deus ficou um período muito grande sem falar com os homens. Então ele falou com Samuel. E o jovem Samuel servia ao SENHOR perante Eli; e a palavra do SENHOR era de muita valia naqueles dias; não havia visão manifesta. E sucedeu, naquele dia, que, estando Eli deitado no seu lugar (e os seus olhos começavam a escurecer, pois não podia ver), E estando também Samuel já deitado, antes que a lâmpada de Deus se apagasse no templo do Senhor, onde estava a arca de Deus, O Senhor chamou a Samuel, e disse ele: Eis-me aqui. E correu a Eli, e disse: Eis-me aqui, porque tu me chamaste. Mas ele disse: Não te chamei eu, torna a deitar-te. E foi e se deitou. E o Senhor tornou a chamar outra vez a Samuel, e Samuel se levantou, e foi a Eli, e disse: Eis-me aqui, porque tu me chamaste. Mas ele disse: Não te chamei eu, filho meu, torna a deitar-te. Porém Samuel ainda não conhecia ao Senhor, e ainda não lhe tinha sido manifestada a palavra do Senhor. O Senhor, pois, tornou a chamar a Samuel terceira vez, e ele se levantou, e foi a Eli, e disse: Eis-me aqui, porque tu me chamaste. Então entendeu Eli que o Senhor chamava o jovem. Por isso Eli disse a Samuel: Vai deitar-te e há de ser que, se te chamar, dirás: Fala, Senhor, porque o teu servo ouve. Então Samuel foi e se deitou no seu lugar. Então veio o Senhor, e pôs-se ali, e chamou como das outras vezes: Samuel, Samuel. E disse Samuel: Fala, porque o teu servo ouve. (1 Samuel 3:1-10). Hoje a palavra de Deus não é rara, é bem capaz que você a ouça aqui, em casa e em vários momentos no mesmo dia, temos fartura da Palavra de Deus. As pessoas não percebem, não dão valor, não atentaram ainda, mas se antes ela foi rara, hoje ela é abundante. Imagine hoje, igreja, do jeito que está o mundo, se a palavra de Deus fosse rara. O mundo já teria explodido. Quando Deus fala conosco, esperamos isso que aconteceu com Daniel, fortalecimento. E Deus acabou de falar com o Filho Dele, o Senhor Jesus, e Ele logo em seguida foi parar no deserto. Normalmente não se espera isso depois de se ouvir a voz de Deus. Como também, você na igreja, não espera o deserto, mas às vezes ele chega à nossa vida. Você não pode impedir que aconteça o deserto na sua vida, nem se desesperar nele, perder a esperança, se apavorar, reclamar, murmurar. Quando o povo de Israel foi parar no deserto, reclamou, murmurou, mas Jesus não. Ele fez uso da Palavra de Deus no deserto. Porque no deserto, o diabo se aproxima de você. O diabo se aproximou de Jesus. Quando Jesus saiu das águas, houve um estrondo do céu e Deus falou. Naquele momento, o tentador não tentou colocar dúvida. O diabo não tenta colocar dúvida quando Deus fala com você, ele sabe disso. Ele não vai tentar você enquanto Deus falar com você. Ele tentará você quando você estiver no deserto. Digo tentar no sentido de colocar dúvidas. Se Deus é mesmo com você, se a igreja é de Deus, se o pastor que te ensina é de Deus e o porquê de tantas adversidades. Ele vai tentar você a duvidar se é homem ou mulher de Deus e, uma vez colocada a dúvida, vai destruir você. Ele só se aproximou de Jesus para isso quando o viu no deserto. O diabo sabia que Jesus era o Filho de Deus. É muito mais fácil ele tentar a gente que o filho de Deus, mas mesmo assim ele tentou. A palavra que pregamos aqui procede da boca de Deus e ela vai te fortalecer. Quando Deus falou com Daniel, o fortaleceu. Igreja, nunca deixe de ouvir a palavra de Deus. A palavra de Deus vem associada à Força, pode-se dizer que ela é um fortificante. Quando crianças, mães dão fortificantes para evitar fraquezas, doenças, vermes e, espiritualmente, não é diferente. Há uma propaganda de televisão que diz que somos o que comemos e a vida espiritual também é assim. O que você alimenta sua vida, seja com televisão ou outros programas, disso será sua alma. Mas quando você se alimenta do Senhor, você se fortalece. Tem uma palavra em Coríntios que diz que ninguém será tentado além de suas forças. Não veio sobre vós tentação, senão humana; mas fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis, antes com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar. (1 Coríntios 10:13). Jesus só foi tentado no deserto porque Ele estava fortalecido. Embora debilitado fisicamente, com fome, estava fortalecido porque Deus havia falado com Ele. Em alguns momentos, Deus falará com você através de alguém. Acredito que todos aqui já tiveram dias de dizer: Deus falou comigo. Quando Deus falar com você, pode estar certo que vai fortalecer você, mas não vai impedir de passar pelo deserto. Não adianta orar para que Deus tire o deserto da sua vida. Você não vai viver eternamente no deserto, mas ele virá, mas você tem um fortificante, que é a palavra de Deus. O diabo continuou a tentar a Jesus. Quando ele viu que Jesus estava armado, fortalecido na palavra, usou ele também a palavra. O diabo sabe que a palavra dele não tem efeito sobre a palavra de Deus então quis combater a palavra de Deus usando a mesma, porém distorcida, adulterada. Satanás é tão mentiroso que mesmo aquilo que estava escrito, para provar que ele é falso, teve de modificar. Quando Deus prometeu guardar, não há o espaço em branco visto no versículo. Veja o Salmo 91, verso 11, a palavra que o diabo usava para combater a Jesus. Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos. (Salmos 91:11). Moisés escreveu esse salmo. Os salmos de Moisés são impressionantes. Moisés passou uma boa parte da vida dele no deserto e aprendeu isso, fala com propriedade, com autoridade, porque ele convivia com assassinos, salteadores, povos ruins, escorpiões, todo tipo de feras. O diabo foi buscar longe, na tentativa de convencer a Jesus. Satanás sabe que a única dependência do homem é esta: a Palavra de Deus. Até o que diz respeito a alimento, o Senhor disse que o homem não vive só de pão. Igreja, eu não tenho porque fazer você depender de mim, minha vida inteira ensino isso. Quanto mais eu ensino que as pessoas não dependem de mim, mais elas querem estar perto de mim, porque Deus faz isso. E aqueles que ensinam as pessoas a dependerem deles criam repelentes na vida deles, porque é injusto isso. Eu seria injusto se ensinasse as pessoas a dependerem de mim. Você pode estar a dez mil quilômetros de Valdemiro, mas se você invocar ao Senhor, Ele estará com você e falará com você mesmo Valdemiro não estando e, ao falar com você, você se sentirá fortalecido. E mesmo no deserto, se porventura você se deparar com o deserto, o tentador se aproximar, não se desespere, porque assim como numa luta, aqueles que entregam o prêmio, as medalhas aos vencedores, já ficam ali preparados. Quando Jesus estava lá porfiando, discutindo com Satanás, o Pai já havia decretado a vitória Dele e os anjos estavam ali, esperando e, na última tentativa de Satanás, quando Jesus o expulsou dali, derrotando-o com a Palavra, dizendo que só Deus poderia ser adorado, ele recebeu. Eu já ouvi dizer que, se alguém adorar ao diabo, ele faz a pessoa ficar rica. Isso é verdade ou mentira? Mentira. O sujeito é mentiroso mesmo. Tem uma palavra da bíblia que diz assim: Quem primeiro me deu, para que eu haja de retribuir-lhe? Pois o que está debaixo de todos os céus é meu. (Jó 41:11). Sobrou o quê para o diabo? Tem um pessoal que deveria prestar atenção nisso, porque prometem tanta coisa! Nas eleições, estão lá, oferecendo qualidade de vida e tantas coisas. Eu, se fosse político, diria na campanha: não tenho nada para dar a vocês, mas se vocês votarem em mim, prometo ensinar o caminho para vencer dificuldades e prosperar. Seria muito mais pregador da Palavra que um legislador, um executivo do poder. Era assim que os reis governaram e, lá, pouco se fala de Deus. Ninguém tem nada para te dar. Se ganhar algo, dê glória a Deus, que Deus deu para te entregarem. Porque tudo que está debaixo dos céus é de Deus. Mas o mentiroso ofereceu a tudo o que não tinha. Se você não conhecer, você é enganado. Eu nunca vi ninguém mais miserável que o diabo, no fundo do poço, caído. Ele não tem nada para te oferecer. E ele foi querer enganar ao herdeiro de todas as coisas. Ele é miserável e burro, porque mostrar tudo para o herdeiro de tudo, Jesus era o dono. E eu e você somos co-herdeiros. Herdeiro é o filho que vira dono. Co-herdeiro é herdeiro com o herdeiro. E, se nós somos filhos, somos logo herdeiros também, herdeiros de Deus, e co-herdeiros de Cristo: se é certo que com ele padecemos, para que também com ele sejamos glorificados. (Romanos 8:17). Somos sócios de Cristo nessa herança. O diabo não pode dizer para você que esse ano será de crise na sua vida. Ele não é o dono. Se você é o dono, co-herdeiro com Cristo, sócio da herança do Pai, incluído por Jesus Cristo, o diabo não pode. Já vi herdeiros irem à justiça tirar irmãos da herança, mas Jesus é o herdeiro que coloca mais pessoas junto Dele. E a herança é tão grande que tem riqueza e prosperidade, vitória para todos. O diabo não pode te seduzir, porque tudo o que está debaixo dos céus é de Deus e você é herdeiro Dele. O diabo não tem nada para dar para ninguém. Nenhum homem pode mudar sua vida, é conversa do diabo. Tudo pertence a Deus. Mesmo assim, o diabo tentou. Viu Jesus debilitado fisicamente, sem conhecer o estado de espírito. O diabo pode ver você triste, bicudo, se aproximar para te tentar, mas uma coisa você tem de saber: você está no testamento do Pai, não abra mão, que ele tem de saber disso. O que caracteriza isso é o grau de comunhão, porque quem está no testamento é filho. O filho não se aproxima do pai para beijá-lo só com interesse de receber, não. Filho tem necessidade de manter comunhão com o Pai, ouvir ao Pai. O mundo está diferente e hoje os filhos querem educar o pai e está errado e na relação com Deus, o filho não pode barganhar com o Pai. Se você quer saber, se o filho já está no testamento, ele não precisa pedir nada ao Pai. Nosso Pai nos dá liberdade para pedir, mas serei sincero a vocês. No passado, eu pedia muito para mim, quando era neófito, mas tem muito tempo que não peço nada para mim e recebo muito mais do que quando eu pedia. Isso é parte da relação Pai e filho. Igreja, para tirar coisas maravilhosas de um pai, basta agradá-lo, enchê-lo de alegria. Quem é pai sabe disso, se tocarem seu coração, você dará o que puder a ele. Se um filho ficar calado, ficamos até preocupados! O Pai sempre vai te entender. Esse negócio de ficar brigando com Deus, colocar Deus contra a parede é besteira, é errado. Deus quer qualidade de vida para nós, sem estresse, sem guerra, sem arrancar nada da mão de Deus, que Ele entrega para você. Quando Jesus saiu das águas, Deus disse que Jesus era o filho amado em quem ele tinha prazer. Ele quer ter prazer na sua vida. Se uma das minhas filhas me amolar e me impedir de dormir, vou me zangar e não vai dar certo. Povo de Israel fez isso e ganhou carne para sair até pelos narizes. Melhor é o Pai dizer: meu filho amado. Ser filho amado, entretanto, não impediu o deserto, mas no final das contas, os anjos O serviram. É isso. O Deserto pode vir, mas os anjos vão nos servir, igreja. Profetizaram que 2016 será um deserto. Estava em casa e vi pessoas em várias partes do mundo falarem da economia do Brasil e teve um que usou a expressão desastre econômico. Naquele momento repreendi e disse: que coisa linda! Se eles dizem que o deserto vem em 2016, essa é a oportunidade para eu e meu povo participarmos do banquete dos anjos. Jesus tinha jejuado quarenta dias e quarenta noites. Acompanho e vejo que Jesus gostava muito de comer peixe. Imagino que depois de jejuar quarenta dias, Ele imaginava uma garoa grelhada, uma pescada, uma corvina ao forno com batatas e molho branco. E Jesus foi parar no deserto, que não tem nada disso, nem escorpião torrado tem. Mas Ele não reclamou. A palavra de Deus ficou ecoando na mente Dele. Adorar só a Deus foi a resposta final e depois, os anjos O serviram. É exatamente o que vai acontecer. Alguém vai declarar que estamos todos no deserto. Eu e você começaremos a amarrar o guardanapo na roupa, porque o banquete vem. Deserto só serve para isso, para o banquete dos anjos. Esse ano, em 2016, com ou sem deserto, você estará no banquete com os anjos.


Igreja Mundial do Poder de Deus

VEJA TAMBÉM

0 comentários

Críticas construtivas serão sempre aceitas, mas comentários com palavrões/chingamentos serão automaticamente excluídos!