Últimas Postagens

Na luta contra o câncer de mama, ela venceu!

By 11:30

O movimento conhecido como Outubro Rosa é comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades.
Confira o lindo testemunho da Caroline Casara que participou do Acampamento Solteiros Por Enquanto 2015 da Mocidade da Igreja Batista da Lagoinha.
“Tive o privilégio de participar do Congresso de Louvor e Adoração Diante do Trono em 2011, um dia após minha chegada, fui ao médico fazer a biópsia. Estava transbordando da presença de Deus, o que foi fundamental para me ajudar a enfrentar o que viria pela frente. Recordo que durante o exame, contava a verdade que ‘todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus’.
Oito dias depois fui ao hospital me informar sobre o resultado. Até o momento de descobrir o diagnóstico, tinha esperanças que não fosse nada grave, porém o resultado confirmou a doença. O choque foi muito grande. Em instantes, meus sonhos e toda minha vida se passaram como flashes pela minha mente. Enquanto refletia sobre tudo aquilo, já não ouvia mais nada do que o médico dizia. Minha irmã estava comigo e quando saimos do consultório, ela me perguntou o que iríamos fazer.
Entre lágrimas, disse a ela que a única escolha que tinha era encarar o tratamento. Chorar não adiantaria, mesmo que o momento fosse difícil, a escolha era esta. Liguei para minha mãe para dar a notícia e disse a ela para ficar calma, pois estava bem. Expliquei que faria o tratamento e permanecia convicta de que todos os meus dias estavam nas mãos de Deus.
À noite em casa, orava ao Senhor declarando a cura e que fosse feita a vontade dEle. Algumas perguntas vieram a minha mente, de alguma forma procurava entender os planos de Deus para a minha vida. Geralmente quem recebe este diagnóstico tem mais de 40 anos, e eu ainda estava muito jovem, 26 anos. Até hoje não tenho todas as respostas, mas elas não são o mais importante, procuro transformar a dificuldade em testemunho para glorificar o Deus que sirvo.
Perguntava a Deus qual seria o propósito do tudo que estava enfrentando. Dizia ao Senhor que só poderia suportar tudo, se Ele estivesse comigo. Não queria estar sozinha em um momento tão difícil. A igreja que congrego estava em oração pela minha vida. Podia sentir o mover de Deus me envolvendo.
Enfrentando o câncer
Após treze dias da primeira quimioterapia, começaram a cair os cabelos. Conversei com uma amiga para ela raspar minha cabeça, pois ela me trazia segurança em um momento que a sensação não seria boa em ter meus longos cabelos ao chão. Entretanto, quando me vi careca achei o máximo, gostei da aparência.
As primeiras quatro quimioterapias foram as que mais me debilitaram, cada vez que fazia eram três dias de cama e sem comer. Na terceira quimioterapia pensei que não aguentaria. Lembro da cena que estava deitada na cama, meu pai e minha mãe sentados próximos a mim. Chorava pois me sentia fraca, fechava os olhos e era como se entrasse em um buraco profundo e negro. Mas naquela noite e como todas as noites lia os Salmos. Então me deparei com o Salmo 27, versículo 14 que diz: Espere no Senhor! Seja forte! Coragem! Espere no Senhor. Como Deus é bom, traz o seu consolo em momentos de grande aflição.
Foi um ano em que vivi dia após dia. Agradeci por cada pessoa, cada familiar, amigo que estava comigo. Após a cirurgia, a tensão da morte foi passando, o pior já tinha passado e continuava viva. Exatamente no dia 25 de Abril de 2012 recebi alta e pude voltar ao meu trabalho, a vida social. Ao todo, fiz quatro quimioterapias, após a cirurgia para retirada do tumor, mais 12 sessões de quimioterapia e 33 radioterapias. O tratamento durou um ano.
Nova vida

No meu retorno a vida normal, vieram outros conflitos: ‘Como encarar o mundo novamente?’ Mas em tudo podemos confiar no Deus que entregou seu filho por amor a nós. Em Jeremias 29.11 diz: Porque sou eu que conheço os planos que tenho para vocês, diz o Senhor, planos para fazê-los prosperar e não lhes causar dano, planos de dar-lhes esperança e um futuro.
Foi um tempo em que experimentei o cuidado de Deus na minha vida. Hoje me tornei mais forte, minha fé foi firmada na ‘Rocha’. Posso não saber por que, mas sei que o desejo do meu coração é transformar esta situação para glorificar e honrar Jesus, o autor, o único digno de ser louvado. Sei que não posso me calar, espero que meu testemunho traga esperança, coragem e que seja a manifestação do poder e da cura de Jesus.
O Senhor não me curou instantaneamente, mas Ele permitiu o tratamento para que a obra dEle se aperfeiçoasse na minha vida. Sou uma cristã em construção e quero ser guiada pelo Espírito Santo. Que possamos nos entregar com todo o nosso coração, pois Deus não desampara nenhum dos seus filhos, não importando as circunstâncias. Esses são alguns relatos da minha história.
Que Deus lhe abençoe”.

VEJA TAMBÉM

0 comentários

Críticas construtivas serão sempre aceitas, mas comentários com palavrões/chingamentos serão automaticamente excluídos!